CineEco . Festival Internacional de Cinema Ambiental

Ter 30 Jan > Qua 31 Jan 2018 | 18:30 21:30 | auditório TAGV

Sinopse

A extensão a Coimbra do único festival de cinema ambiental em Portugal, e um dos festivais de cinema sobre ambiente mais antigos do mundo, com as mais recentes produções nacionais e internacionais sobre questões ambientais.

Ficha Técnica

Organização Jardim Botânico da Universidade de Coimbra, Teatro Académico de Gil Vicente

Produção CineEco Seia

Informações Adicionais

ter 30 janeiro 18h30

Sob o Véu da Vida Oceânica De Quico Meirelles

Olá você, ser humano que está a ler esta sinopse. Sim, você que se queixa do tempo, da morte, do amor e da existência. Hoje é seu dia de sorte: a minha vida é muito pior. Só dura seis minutos.

Origem Brasil, 2017; Prémio Internacional de Curtas-Metragens Turistrela, Competição de Curtas-Metragens Internacionais, Documentários e Reportagens para Televisão

 

Criados na Serra De Maria Inês Santos Mesquita

Por entre paisagens de rocha e vazio, ecoam histórias de um medo que já não existe.

Origem Portugal, 2016

 

O Homem de Água Doce De Alvaro Ron

Numa cidade atingida pela seca, no meio do deserto da Califórnia, uma menina de 10 anos desafia o seu avô, um bombeiro reformado e irritadiço, a não vender a água da sua propriedade, e a seguir um plano louco para levar a água outra vez ao rio seco.

Origem Espanha, EUA, 2017

 

O Fim da Neve De Morgan Heim

O inverno não chega. Um cientista aventura-se na natureza para encontrar Jon Snow. Conhecemos a neve. Esta é a sua história.

Origem EUA, 2016; Prémio Internacional Água, Comissariado Português para o Fórum Mundial da Água – Brasília 2018

 

Hamoun Outra Vez De Mohammad Ehsani

Desde que o Lake Hamoun ficou seco, vários problemas ambientais e sociais surgiram na região de Sistan. A pobreza, a emigração e a extinção de empregos tradicionais e locais foram o resultado da seca do lago Hamoun, no sudeste do Irão, na província do Sistan, e do Baluchistão na fronteira com o Afeganistão.

Origem Irão, 2016; Menção Honrosa

Duração aprox. sessão 1h30 

 

ter 30 janeiro 21h30

Água Valiosa De Patricia Albornoz

Lourdes é uma mãe de família, com filhos pequenos, viúva. Vive numa comunidade onde não possuem um recurso tão básico como a água potável.

Origem Chile, Bolívia, 2017

 

Ouvindo De Palmer Morse & Matthew Mikkelsen

Um vencedor de um Emmy Award e um ecologista, Gordon Hempton, trabalham juntos para proteger os poucos lugares silenciosos remanescentes da Terra contra a poluição sonora.

Origem EUA, 2016 

 

Nahui Ollin – Sol em Movimento De Antonino Isordia, Teresa Camou, Carlos Armella, Sergio Blanco, Michelle Ibaven, Roberto Olivares, Eleonora Isunza Gutierrez, Gustavo M. Ballesté

Uma viagem pelo México através do olhar de oito realizadores que procuram revelar como as mudanças climáticas afetam um dos países com maior biodiversidade do mundo. Corais, glaciares, mares, florestas, rios, montanhas, campos e cidades sofrem os efeitos da maior ameaça deste período para a humanidade.

Origem México, 2017

Duração aprox. sessão 1h25

Conversa pós-sessão com Helena Freitas, Professora da Universidade de Coimbra e Diretora do Centro de Ecologia Funcional

 

qua 31 janeiro 18h30

Fres Boi De Paloma Canonica, Cristina Vilches Estella

Um laboratório abandonado no meio do Ártico; um esquimó perdido descobre algo que vai mudar a sua vida para sempre: Fresboi. A história de uma amizade única, com mistérios e algumas surpresa

Origem Espanha, 2015

 

Uma Guerra De David Páez, Tomás Del Castillo

Em 2045, o mundo atravessa a mais importante escassez de água da história, causada pelo uso excessivo da população humana. Agora, a civilização vai lutar pelos últimos litros

Origem Argentina, 2016

 

Baía Urbana De Ricardo Gomes

Para a preservação da Baía de Guanabara precisamos de conhecer quem lá vive. Pela primeira vez a vida submarina dessa grande baía, considerada uma das 7 Maravilhas Naturais do Mundo, é mostrada num documentário. Botos, tartarugas, corais, esponjas e mais de 50 espécies de peixes registadas durante as filmagens.

Origem Brasil, 2017; Competição de Filmes de Língua Portuguesa – Grande Prémio Lusofonia/Camacho Costa/CineEco 2017 – Grande Prémio Lusofonia

Duração aprox. sessão 1h40

 

qua 31 janeiro 21h30

Plantae De Guilherme Gehr

Ao cortar uma grande árvore no interior da floresta, um madeireiro contempla uma inesperada reação da natureza.

Origem Brasil, 2017; Menção Honrosa

 

Coros do Anoitecer De Nika Saravanja e Alessandro D’Emilia

O compositor eco-acústico, David Monacchi, na sua busca para registar uma paisagem sonora pura e contínua em 3D, no mundo distante e esquecido das florestas tropicais equatoriais.

Origem Itália, 2016; Grande Prémio CineEco 2017

Duração aprox. sessão 1h25

Conversa pós-filmes com António Gouveia, Diretor do Jardim Botânico, e Nuno Fonseca, Investigador do Instituto de Filosofia da Universidade Nova de Lisboa

Faixa Etária

todos os públicos

Preçário

entrada gratuita
Informações e reservas escolas (mediante marcação prévia) catedraunesco@uc.pt
  • partilhar: