O meu País é o que o Mar não quer # Exílio(s) 61/74

Qui 25 Mai 2017 | 21:30 | auditório TAGV (lotação limitada)
teatro

Sinopse

Tudo começou com o espetáculo O Meu País é O Que o Mar Não Quer # 2012/2015 em que fizemos uma investigação sobre as razões da saída de Portugal da minha geração. Foram os anos sombrios e austeros da Troika em Portugal .
Hoje, em 2017, iniciamos a 1ª parte do projeto Exílio(s) 61/74. Que, como uma boneca russa, procura desvendar o interior desse viver Português, deste ciclo migratório que tem a sua origem vários séculos antes. Onde o “lá fora” é o futuro.
Investigámos a vários mãos, recolhemos testemunhos de quem tinha saído de Portugal entre 61/74 como: Emigrante |Desertor| Refugiado| Refratário | Exilado. E deparámo-nos com a fuga como um gesto de protesto contra a Guerra Colonial e o Fascismo, como um mecanismo de luta.
O que leva a alguém sair do seu país? Como se luta lá fora quando não nos deixam viver no nosso país? Como se pode perdoar quem nos deixou sem outra saída?
Este espetáculo é um comentário sobre o passado. Feito com testemunhos de quem ousou um gesto contra o regime Fascista. Com saltos na memória. Registámo-la para lidar com ela. Para saber quem somos. Como chegámos até aqui e o que ainda podemos ser.
— Ricardo Correia

Ficha Técnica

texto e encenação Ricardo Correia

assistência de encenação Sara Jobard

interpretação Hugo Inácio, Celso Pedro, Marta Nogueira, Miguel Lança, Sara Jobard

investigação, dramaturgia e documentação Sara Jobard, Joana Brites, Hugo Inácio, Celso Pedro, Marta Nogueira, Miguel Lança, Emanuel Botelho, Rui Gaspar, Filipa Malva, Ricardo Correia

espaço cénico, figurinos e adereços Filipa Malva

direção técnica e desenho de luz  Jonathan de Azevedo

desenho de som Emanuel Botelho

vídeo Rui Gaspar

operação técnica João Palhares

apoio de voz Cristina Faria

produção Cláudia Morais

fotografia Carlos Gomes

design Joana Corker

produção Casa da Esquina – Associação Cultural

coprodução Teatro Académico de Gil Vicente

estreia  13 de maio (Arganil), inserido no festival OUTRAS VOZES, OUTRA GENTE da Cooperativa Hermes. Este projeto está inserido no Plano de Apoio Tripartido do Ministério da Cultura/DGArtes à Casa da Esquina em 2017 agradecimento  AEP61-74, Centro de Documentação 25 de Abril, Natércia Coimbra, Rui Bebiano, Rui Mota, José Torres, Hélder Costa, Eugénia Vasques, Fernando Cardeira, Miguel Cardina, Fernando Cardoso, Adelino Silva, Tila Cascais, Graça dos Santos, José Vieira, José Dias, Luís Varela, Francisco Moreira, Kayl Worska, Nuno Pires, Partido Comunista Português, CES – Centro de Estudos Sociais, Tipografia Damasceno, ESEC

Duração do Espectáculo

1h00

Faixa Etária

para maiores de 12

Preçário

€7
€5 < 25, estudante, > 65, grupo ≥ 10, desempregado, parcerias
Comprar Bilhete
  • partilhar: